1 – CUIDADOS COM O EQUIPAMENTO GERADOR DE OZÔNIO;

Um dos graves problemas que afetam o desempenho de qualquer gerador no universo da Hidroponia, tem sido o descuido por parte dos operadores, em especial ao retorno de água devido à instalação inicial feita em desacordo com o que orientamos. Outro aspecto é que instalam o gerador em locais sem proteção contra poeira e umidade ou chuva. Em resumo: uma instalação errada e o uso errado, danificam equipamento OZONIC® ou qualquer outro gerador de ozônio de qualquer marca. Sem a instalação correta e sem uma operação cuidadosa, nenhum gerador de ozônio, de qualquer marca, irá ter vida longa. Isto é um fato.

2 – USO DO GERADOR OZONIC MODELO C-5 NO PROCESSO DE HIDROPONIA / “PYTHIUM”:

O uso do ozônio (O3), deve ser INTERMITENTE, não contínuo. Em seu caso, são quatro (4) reservatórios de três mil litros cada. Para cada reservatório, deve ser instalado um (1) sistema hidráulico em circuito fechado, contendo basicamente:

– Uma saída na parte inferior do reservatório, em tubo PVC marrom ø 32 mm, que levará a água ali estocada a uma bomba centrífuga de dois (2) estágios, pressão de saída mínima de 4 bar (4 kgf/cm2);

– Da saída dessa bomba, uma linha de PVC marrom, igual à da entrada, levando a água sob a pressão citada a um “by-pass”, conforme modelo que enviaremos no próximo e-mail;

– Após o “by-pass”, a linha de PVC marrom, ø 32mm retornará essa água ozonizada para o topo do reservatório citado, mantendo toda a  água ali armazenada, pronta para seguir pelas bancadas que estão a este reservatório ligadas.

– Esta operação (ozonizar a água de um dos tanques), irá levar algo em torno de duas (2) horas. Um (1) dos tanques e sistema a ele acoplado, estará assim, liver do “pythium”, de forma preventiva. Fazer isto a cada dois (2) dias: ex.: segunda, quarta e sexta.

– Nos outros três (3) reservatórios, cada um deles deve ser instalado um sistema de circuito fechado como descrito acima (saída do tanque + bomba centrífuga de dois estágios + linha de retorno).

– Alternadamente, o mesmo gerador OZONIC modelo C-5, portátil, será deslocado para ozonizar cada um dos quatro tanques, por duas horas em cada unidade. Cada um deles, receberá ozônio (O3) em dias alternados, ex.: terça, quinta e sábado ou segunda, quarta e sexta.

VERIFICAÇÃO SE HÁ OZÔNIO NA ÁGUA OZONIZADA:

Considerando-se que essa água não tem cloro, orientaremos como verificar se há residual de ozônio suficiente na água, para eliminar o “pythium”.

Nota: 1 bar = 1 kgf/cm2 = 1 ATM = 10 MCA = 14 lbs/pol2.

Em caso de dúvida, não improvise, consulte a OZONIC:

email: service@ozonio.net   –   Tel.: 11 4330 5033, dias úteis das 9h às 17h.

Cuidando de seu Gerador OZONIC de modo correto, e como prescreve o manual, ele irá operar sem problemas durante muitos anos.